quinta-feira, 10 de junho de 2010

Como que uma personagem sofrendo a metamorfose da sua vida, começo a perceber os caminhos equivocados da vida. O vazio, a confusão e o pessimismo ocupam o lugar central da minha existência. Os acontecimentos alteram-se e alteram-nos a nós também. 
Por alguma razão os ponteiros do relógio não abrandam e os segundos não param quando sentimos um aperto interior. O tempo anda sempre indiferente às nossas angústias e as surpresas do amanhã são sempre mais fortes que qualquer destino que nos tenhamos comprometido a cumprir. Basta-nos saber quando e como dar corda ao nosso próprio relógio e voltar a colocar o mecanismo em acção.





5 comentários:

  1. bom post (: obrigada pelos comentarios ^^
    beijinho.

    ResponderExcluir
  2. Vencer os outros
    não chega a ser
    uma grande vitória.
    Vitorioso
    é aquele que consegue
    vencer a si mesmo
    combatendo seus vícios
    e controlando suas paixões.
    A vitória sobre nós mesmos
    é muito mais difícil.
    Ela requer mais coragem
    mais disciplina e mais decisão.
    Se você
    não conseguir na primeira vez
    tente de novo.
    O simples fato de tentar de novo
    já será sua primeira vitória.

    Te desejo um Dia de Vitória !

    ResponderExcluir
  3. É isso, muito bom mesmo, gostei de tudo, parabéns, abs

    ResponderExcluir

meus seguidores.