sexta-feira, 17 de setembro de 2010

O maior amor não tem de ser, necessariamente, o mais sofrido, nem o mais chorado ou dramático, mas sim aquele que se traduz em paz e dá segurança e alegria pra enfrentar os precalços do quotidiano; O maior amor é aquele que nos deixa felizes, aquele em que, tacitamente, se sabe da troca, da atençao recíproca, aquele onde os gestos, as palavras e as intençoes são cuidadosas, voltadas para o conforto mútuo, sem egoísmo ou esforço algum. O nosso amor é o maior.

12 comentários:

  1. Conheço esse sentimento: «onde os gestos, as palavras e as intençoes são cuidadosas, voltadas para o conforto mútuo, sem egoísmo ou esforço algum.»

    Sem ele não vivemos e por vezes nem conseguimos viver com ele.

    ResponderExcluir
  2. Amei linda, nem mais, dizes-te tudo :D
    adoro o teu blog

    ResponderExcluir
  3. -nossa o seu blog é lindo,é como se eu abrisse um livro com as poesias mais bonitas . adorei com certeza vou seguir ! beijo bom fim de semana !

    ResponderExcluir
  4. Amei teu blog. Muito bacana mesmo!

    Toh seguindo

    Segue-me também(Please!!!)?

    http://doce-meio-amargo.blogspot.com/

    Bjos


    Nina

    ResponderExcluir
  5. gostei de ler, se quiseres passa por aqui: www.diogocalado.blogspot.com

    ResponderExcluir

meus seguidores.